Conecte-se conosco

Filmes

11 bons filmes nacionais de 2018 que estão no Now

Benzinho e outros longas elogiados que passaram voando pelos cinemas já podem ser vistos sob demanda

Planeta Flix

Publicado

em

Foto: Divulgação

Os filmes brasileiros ainda enfrentam grande dificuldade de ocupar espaço no circuito de cinemas. Isso apesar da produção cinematográfica nacional estar mais farta e variada do que nunca. Afora uma ou outra exceção, os longas feitos no Brasil ocupam uma sessão diária em algumas salas e não ficam mais que uma ou duas semanas.

PrivaliaPerdem os espectadores, que não têm chance de assistir a obras como o belíssimo Benzinho, de Gustavo Pizzi, o divertido Paraíso Perdido, de Monique Gardenberg, e o instigante O Animal Cordial, de Gabriela Amaral Almeida. Mas os serviços de streaming, por assinatura ou sob demanda, têm preenchido essa lacuna.

É cada mais vez mais curto o tempo entre a saída do filme de cartaz e a sua disponibilidade para ser visto em casa. Confira a lista do Planeta Flix com 12 longas brasileiros que foram lançados este ano — alguns bem recentemente — e já podem ser alugados no Now — alguns deles também estão disponíveis em outros serviços:

As Boas Maneiras
Marjorie Estiano é Ana, dona de casa que contrata a enfermeira Clara (Isabél Zuaa) para ser babá de seu filho que ainda vai nascer. Solitária moradora da periferia, Clara começa a ser afetada pelo comportamento da patroa, cada vez mais estranha, quanto mais se aproxima o parto. A dupla de diretores Marco Dutra e Juliana Rojas retoma o clima de tensão e terror para tratar de temas sociais, como fez em Trabalhar Cansa (2011).

O Nome da Morte
Baseado em fatos reais, Henrique Goldman (Jean Charles) conta a história de Júlio Santana, maranhense pai de família e tido como criatura exemplar, que levava vida paralela como assassino de aluguel, tendo sido responsável por 492 mortes. Em grande atuação, Marco Pigossi dá vida ao personagem, retratado em livro-reportagem de Klester Cavalcanti, base do filme. Também disponível para aluguel no Looke.

O Animal Cordial
Em São Paulo, dono de restaurante tem constantes atritos com os funcionários por causa de seu rigor. Essa relação tensa explode quando o estabelecimento é assaltado pouco antes do fechamento, ainda com clientes na casa. Murilo Benício, Irandhir Santos, Humberto Carrão e Camila Morgado estão no elenco deste ótimo longa de estreia da experiente roteirista Gabriela Amaral Almeida.

Benzinho
O diretor Gustavo Pizzi, superpremiado em Gramado com seu longa de estreia, Riscado (2010), voltou a arrasar no festival gaúcho com este drama familiar em torno de duas irmãs, Irene (Karine Teles) e Sônia (Adriana Esteves). Irene trabalhada firme para manter a família e ainda tem que ajudar a irmã. Além disso, enfrenta crise de ansiedade quando o filho mais velho é convidado para jogar handebol na Alemanha.

Paraíso Perdido
O filme mais recente de Monique Gardenberg (Ó Paí, Ó) é um drama folhetinesco embalado por músicas de Odair José, Reginaldo Rossi, Márcio Greyck e afins. Uma celebração ao amor em todas as suas possibilidades. No elenco, Jaloo, Humberto Carrão, Hermila Guedes, Lee Taylor, Erasmo Carlos e Seu Jorge. Também disponível na Netflix. Leia mais. sobre o filme.

Praça Paris
Lúcia Murat mantém-se fiel à preocupação político-social presente em sua filmografia. A terapeuta portuguesa Camila (Joana de Verona) atende Glória (Grace Passô), ascensorista da universidade onde ela trabalha, e se depara abismada com a realidade violenta da paciente. A atuação da também dramaturga Grace Passô é um dos grandes trunfos do filme.

Aos Teus Olhos
Um professor de natação muito gente boa é acusado por um de seus alunos pré-adolescentes de tê-lo beijado no vestiário. Antes que prove inocência, ele é alvo de um linchamento virtual, por meio de mensagens de WhatsApp e no Facebook. Carolina Jabor trata com muita propriedade de um tema atualíssimo. Daniel de Oliveira interpreta o professor.

A Cidade do Futuro
Os baianos Cláudio Marques e Marília Hughes dirigem este drama sobre casal homoafetivo que dá novo rumo à relação quando um deles engravida uma amiga. Resolvem, então, formar uma família a três, enfrentando o machismo e a homofobia no sertão baiano. Boa amostra do cinema feito fora do eixo Rio-São Paulo, estrelado por atores vindos do teatro amador — Gilmar Araújo, Igor Santos e Milla Suzart.

Ferrugem
O segundo longa do baiano Aly Muritiba (Para Minha Amada Morta) leva à tela o tema dos riscos da superexposição na internet. A adolescente Tati (Tiffanny Dopke) adora compartilhar nas redes sociais tudo o que faz, e quando perde o celular tem seus registros íntimos divulgados no grupo de WhatsApp da turma do colégio. Enrique Diaz brilha em meio ao elenco de jovens.

Os Incontestáveis
Embalados por conhaque e rock’n’roll, dois irmãos viajam para tentar resgatar velho Maverick, que pertenceu ao pai deles, desaparecido há anos. Os roqueiros Fabio Mozine (Mukeka di Rato) e Will Just (The Muddy Brothers) estrelam o filme, primeiro longa do diretor capixaba Alexandre Serafini. Tonico Pereira e o paraibano Fernando Teixeira também estão no elenco.

O Banquete
Depois de retornar ao Brasil colonial no polêmico Vazante, a diretora Daniela Thomas vai ao fim da década de 1980, quando o país retomou a democracia, mas passa por extrema instabilidade política. Um jantar reúne uma fauna de personagens que se debatem diante de temas delicados envolvendo relações pessoais e política. No elenco, Georgette Fadel, Drica Moraes, Mariana Lima, Gustavo Machado e Bruna Linzmeyer.

Filmes

Michael Haneke ganha retrospectiva no Mubi

Plataforma exibe oito filmes do diretor austríaco, incluindo Violência Gratuita (foto) e A Fita Branca

Planeta Flix

Publicado

em

Foto: Divulgação

O Mubi programou para este mês uma mostra de filmes do diretor austríaco Michael Haneke, incluindo sua obra de estreia O Sétimo Continente (1989), que narra a história real de uma família austríaca de classe média que cometeu suicídio. Quem tiver interesse, bom correr porque esse só fica disponível por mais cinco dias.

A seleção Foco em Michael Haneke reúne, além de O Sétimo ContinenteO Vídeo de Benny (1992), 71 Fragmentos de uma Cronologia do Acaso (1994), O Castelo (1997), Violência Gratuita (1997) — obra o perturbadora, que o tornou mais conhecido pelas banda de cá –, O Tempo do Lobo (2003), Caché (2005) e A Fita Branca (2009).

Continue lendo

Filmes

O Declínio do Império Americano está no Prime Vídeo

Clássico do cinema canadense, filme de Dennys Arcand teve continuação em As Invasões Bárbaras

Planeta Flix

Publicado

em

O Declínio do Império Americano, de Dennys Arcand, entrou no catálogo do Prime Vídeo. Um fato a ser comemorado por quem gosta de rever grandes obras no streaming. Lançado em 1986, O Declínio… faz uma profunda reflexão sobre a época a partir das conversas de um grupo de amigos sobre seus desejos íntimos, intelectualidade, moral, liberdade sexual, entre outros assuntos.

Outlet até 70% OFF ! Aproveitem

Dennys Arcand, que depois dirigiu filmes igualmente interessantes, como Amor e Restos Humanos (1993) e Jésus de Montréal (1989 ), retomou os personagens de O Declínio do Império Americano em 2003, no filme As Invasões Bárbaras, que se tornou um retrato de uma época tão instigante quanto o filme que o inspirou.

 

Continue lendo

Filmes

Raridade no Prime: Os Moedeiros Falsos, de Benoît Jacquot

Feito para a TV em 2010, filme é uma bela adaptação do livro homônimo, clássico do escritor André Gide

Planeta Flix

Publicado

em

Foto: Divulgação

No catálogo do Prime Vídeo, uma raridade do cinema francês: Os Moedeiros Falsos, de Benoît Jacquot. Trata-se de uma produção para TV realizada em 2010 pelo diretor veterano — de filmes como O Diário de Uma Camareira (2015) e Adeus, Minha Rainha (2012). Torna ainda mais especial o fato de ser uma adaptação do livro clássico de André Gide (1869-1951), lançado em 1925.

Livro é na Saraiva! Todos os livros com +15% de desconto nas compras à vista a partir de R$69,90, Confira! Até 22/9

A ação se passa na Paris dos anos 1920. Numa sinopse bem superficial, é a história do adolescente Bernard (Jules-Angelo Bigarnet) descobre que é fruto de um caso extraconjugal da sua mãe e deixa a família para morar com o amigo Olivier (Maxime Berger). A nova vida o fará descobrir novos afetos, a depressão e a homossexualidade, ao mesmo tempo em que ajuda o tio Edouard (Melvil Poupaud).

Os Moedeiros Falsos, o livro,  tem um enredo emaranhado, sobrepondo a vida real e o processo de criação de um romance, o que desafiaria qualquer cineasta.  Mas Jacquot se sai bem e fez um filme que a crítica do jornal francês Le Figaro, classificou como “bonito, singular e sério”. O que de fato é. Foi feito para a TV, mas cairia muito bem na tela grande.

Continue lendo

Mais lidas

Copyright © 2018 PlanetaFlix - Um mundo inteiro para você curtir a partir do seu sofá. contato@planetaflix.com.br

error: Conteúdo protegido!